Crescendo na graça e no conhecimento

Lições 4.o Trimestre 2013

Lições 4.o Trimestre 2013
Conselhos para a vida

Lição 1 - O Valor dos Bons Conselhos
Lição 2 - Advertências Contra o Adultério
Lição 3 - Trabalho e Prosperidade
Lição 4 - Lidando de Forma Correta com o Dinheiro
Lição 5 - O Cuidado com Aquilo que Falamos
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Lição 7 - Contrapondo a Arrogância Com a Humildade
Lição 8 - A Mulher Virtuosa
Lição 9 - O Tempo para Todas as Coisas
Lição 10 - Cumprindo as Obrigações Diante de Deus
Lição 11 - A Ilusória Prosperidade dos Ímpios
Lição 12 - Lança o teu Pão Sobre as Águas
Lição 13 - Tema a Deus em todo o Tempo

Comentarista:

José Gonçalves - Pastor, Professor de Teologia, Escritor e Vice-presidente da Comissão deApologética da CGADB; Comentarista das revistas de Escola Dominical da CPAD.

24 de agosto de 2012

O pragmatismo no meio cristão evangélico


O pragmatismo é um princípio filosófico que consiste em validar e aprovar um método usado para atingir um determinado objetivo através da constatação dos resultados alcançados, ou seja, o famoso “O fim justifica os meios”.

O pragmatismo no meio cristão evangélico me parece ser um dos maiores males bem mais próximos à Igreja nos dias atuais, um cristianismo de resultados.

O planejamento estratégico, as técnicas de marketing e persuasão, as ferramentas de gestão,  as estatísticas e gráficos de controle, a identificação dos “membros-clientes” e a busca de sua satisfação plena, as palavras persuasivas de sabedoria humana de que fala o apóstolo Paulo têm dado lugar em muitos lugares ao ouvir a voz de Deus e obedecê-la.

Confia-se mais nos dotes da intelectualidade humana do que na ação de Deus; os modelos administrativos humanos são mais importantes do que se cumprir a vontade de Deus que assim passa a ser manipulada para atender às intenções pessoais. As Igrejas se tornam meras empresas.

Importa mais a consolidação e crescimento da organização religiosa à edificação do organismo vivo, o Corpo de Cristo: a Igreja do Senhor. E para se crescer e vencer a concorrência no "mercado da fé" muitas vezes se recorre às concessões ao pecado, conceito agora relativizado sob a máscara do politicamente correto, sejam estas mínimas, sutis ou muitas vezes escancaradas. O que importa são os resultados, os princípios e meios se tornam meros detalhes.

Mas não se pode esquecer que a vida cristã é essencialmente feita de detalhes, de pequenas coisas baseadas em princípios inegociáveis que tem significação e reflexo na vida cotidiana e no porvir. Assim não podemos desprezar o valor das coisas pequenas, sob pena de se perder o sentido do significado da essência do evangelho transformador de Cristo.

Não vale a pena nos tornarmos os homens mais miseráveis da terra. Resultados materiais não superam os tesouros nos céus.

Assim, acreditamos ser necessária uma volta ao ouvir a voz do Senhor. Melhor deixar as muitas invenções, sejam pós-modernas ou do tempo da minha bisavó, e procurar ouvir no sentido de entender e praticar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Isto sim é o que importa. O resto é perfumaria. 

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Entre em contato conosco


Se copiar algum texto, favor citar a fonte com o nome do autor e o link deste blog.