Crescendo na graça e no conhecimento

Lições 4.o Trimestre 2013

Lições 4.o Trimestre 2013
Conselhos para a vida

Lição 1 - O Valor dos Bons Conselhos
Lição 2 - Advertências Contra o Adultério
Lição 3 - Trabalho e Prosperidade
Lição 4 - Lidando de Forma Correta com o Dinheiro
Lição 5 - O Cuidado com Aquilo que Falamos
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Lição 7 - Contrapondo a Arrogância Com a Humildade
Lição 8 - A Mulher Virtuosa
Lição 9 - O Tempo para Todas as Coisas
Lição 10 - Cumprindo as Obrigações Diante de Deus
Lição 11 - A Ilusória Prosperidade dos Ímpios
Lição 12 - Lança o teu Pão Sobre as Águas
Lição 13 - Tema a Deus em todo o Tempo

Comentarista:

José Gonçalves - Pastor, Professor de Teologia, Escritor e Vice-presidente da Comissão deApologética da CGADB; Comentarista das revistas de Escola Dominical da CPAD.

13 de maio de 2010

O 13 de Maio e a Maravilhosa Graça de Deus


13 de maio. Celebrado como o dia da abolição da escravatura no Brasil. As influências das ideias abolicionistas vieram do exterior.


Na Inglaterra o movimento abolicionista contou com a participação decisiva dos cristãos evangélicos. Dentre muitos, dois deles podem ser destacados.


Um miserável pecador, um trapo de gente como mesmo se identificou antes da conversão expressa em verso na letra da célebre canção Amazing Grace, possivelmente a canção evangélica mais conhecida do mundo. Seu nome John Newton, ex-traficante de escravos que foi salvo milagrosamente de um naufrágio de seu navio negreiro.


Outro personagem decisivo foi um jovem político, William Wilberforce, de saúde debilitada, mas de uma fé sadia que desejava o episcopado, servir a Deus completamente.


O seu melhor amigo, William Pitt – posteriormente primeiro-ministro da Inglaterra – , fez a confrontação: “Você pretende usar a sua bela voz para louvar o Senhor, ou para mudar o mundo?”


Após ouvir os conselhos de amigos, dos irmãos na fé e do próprio John Newton, já pastor, descobriu que sua vocação no servir a Deus deveria ser canalizada para a defesa da causa abolicionista pela prática política.


Muitas lições absorvemos desta página da história.


A uns DEUS chama do monturo e do charco de lodo, firma os pés na Rocha e constitui guardião do rebanho, como aconteceu com John Newton; a outros, a exemplo de Wilberforce, o Senhor usa no seu contexto social, profissional, para espargir luz em meio às densas trevas.


De um, DEUS faz pastor e poeta. De outro, um arauto da defesa das causas dos mais fracos.


Assim se manifesta a multiforme graça de Deus, a Amazing Grace (surpreendente graça) do Senhor. Uma possível canção de lamento dos escravos, vinda dos porões dos navios da exploração desumana do homem, transforma-se em um hino em ação de graças de um miserável pecador que se converte aos pés do Senhor.


Nosso 13 de maio veio de longe.


A maravilhosa graça de Deus vem da eternidade e dura para sempre.   E torna o lamento em gozo, libertando os homens da servidão, seja ela qual for.

Aleluia !

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Entre em contato conosco


Se copiar algum texto, favor citar a fonte com o nome do autor e o link deste blog.