Crescendo na graça e no conhecimento

Lições 4.o Trimestre 2013

Lições 4.o Trimestre 2013
Conselhos para a vida

Lição 1 - O Valor dos Bons Conselhos
Lição 2 - Advertências Contra o Adultério
Lição 3 - Trabalho e Prosperidade
Lição 4 - Lidando de Forma Correta com o Dinheiro
Lição 5 - O Cuidado com Aquilo que Falamos
Lição 6 - O Exemplo Pessoal na Educação dos Filhos
Lição 7 - Contrapondo a Arrogância Com a Humildade
Lição 8 - A Mulher Virtuosa
Lição 9 - O Tempo para Todas as Coisas
Lição 10 - Cumprindo as Obrigações Diante de Deus
Lição 11 - A Ilusória Prosperidade dos Ímpios
Lição 12 - Lança o teu Pão Sobre as Águas
Lição 13 - Tema a Deus em todo o Tempo

Comentarista:

José Gonçalves - Pastor, Professor de Teologia, Escritor e Vice-presidente da Comissão deApologética da CGADB; Comentarista das revistas de Escola Dominical da CPAD.

12 de outubro de 2011

A PORTA DA SALVAÇÃO 2


O Evangelho é como um tesouro escondido em um campo que uma pessoa decide vender tudo que possui a fim de adquiri-lo. Nosso tesouro não é mais os bens e coisas passageiras e efêmeras que os ladrões minam e roubam aqui na terra, mas sim o verdadeiro depósito divino onde a traça não corrói nem podem ser roubadas, reservados nos céus para nós. Mateus 13:44; Mateus 6:19, 20.
Mesmo sem dinheiro e sem preço, compre vinho e leite. Isaías 55:1. Mas como comprar sem dinheiro ? Com certeza no supermercado, na farmácia ou no posto de gasolina sem dinheiro ou cartão de crédito o vendedor não me vende o produto desejado.
Mas no reino de DEUS o processo de compra e venda é diferente. A moeda corrente é a necessidade da alma.
“Por que gastar o dinheiro naquilo que não é pão? E o produto do trabalho naquilo que não pode satisfazer?” Questionou o Senhor por intermédio de Isaías. (Isaías 55:2.)  
Ele agora sabe bem o que se passa conosco, como gastamos os nossos talentos, vigor, recursos que Ele mesmo nos concedeu ? O que estou fazendo com os recursos que DEUS me deu para viver e compartilhar com os outros, deixando de ser miseráveis e desgraçados ?
Será que acumular riquezas, gastar energia em busca de reconhecimento, título e posições, é agradável e útil ao Senhor? Então, porque gastar nossa vida com aquilo que não pode satisfazer, não pode agradar a DEUS ?
Quem tem sede venha a mim e beba, conclamou Jesus.  Apocalipse 22:17
A alma humana tem sede de DEUS, do DEUS vivo e verdadeiro. Existe dentro de si um vazio simplesmente do tamanho de DEUS. Daí porque tantos correm desenfreadamente gastam o fruto do seu trabalho naquilo que não pode satisfazer-lhes a alma. A indústria do entretenimento, da prostituição, a indústria cultural, das drogas lícitas como as bebidas e o cigarro e das drogas ilícitas como a cocaína e o êxtase, crescem assombrosamente.
Simplesmente porque se tenta preencher um vazio. Que somente DEUS pode saciar: sede de salvação.
Uma mulher samaritana teve um encontro junto a um poço. João 04. Jesus lhe pede água. E inicia uma conversa que vai mudar o rumo da história de vida daquela senhora. Jesus afirma que quem bebesse da água daquele posso tornaria a ter sede ao passo que quem beber da água que Ele Jesus lhe der jamais terá sede. Pelo contrário além de ser plenamente satisfeito, ainda geraria em seu interior uma fonte a jorrar para a vida eterna. Ela a princípio mão o compreendeu. Jesus toma outro caminho na conversa. – Chama teu marido! A mulher responde não tenho marido. Jesus agora desvenda os segredos da samaritana. Disseste bem, não tenho marido. Porque já tivesses cinco maridos e agora aquele que tens não é teu marido.
Jesus agora chega ao âmago do conflito interior daquela mulher marcada por uma sede intensa de viver a qual tentou matar com relacionamentos conjugais frustrados, um após o outro. Reconhecendo a mulher Sua condição de profeta, Jesus revela-se como o Messias, o Salvador  prometido e tão aguardado pelo povo de Israel e também pelos samaritanos. Cheia de alegria, aquela mulher parte agora para a cidade para falar que encontrou a verdadeira fonte da água da vida que sacia a sede de todo o homem, esquecendo-se do cântaro ao pé da fonte, que agora pouco lhe importa. Aleluia.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Entre em contato conosco


Se copiar algum texto, favor citar a fonte com o nome do autor e o link deste blog.